Bulavet

Milhares de bulas de medicamentos veterinários

CONDROTON

VETNIL INDÚSTRIA E COMÉRCIO DE PRODUTOS VETERINÁRIOS LTDA

Classes
Caninos
Registro
8.159 em 12/03/2002.
Responsável Técnico
Fábio Cavenaghi Mattei - CRMV: SP 12005
Princípio(s) Ativo(s)

CONDROITINA A

VITAMINA C

OUTROS

Fórmula

Fórmula: Cada 100 g contém:

Sulfato de Condroitina “A”.........................................20.000 mg G lucosamina..............................................................30.000 mg Moluscos (Perna canaliculus)......................................10.000mg Colágeno.....................................................................5 .000 mg Ácido ascórbico............................................................5.000 mg Sulfato de manganês...................................................2.000 mg Excipientes q.s.p................................................................100 g

Indicações

Para cães: indicado para auxiliar os tratamentos de artropatias não infecciosas, tais como, artrites, artroses, osteoartroses, hidroartroses, artropatias degenerativas, displasias coxo-femorais, espondiloses, espondiloses anquilosantes, condropatias, sinovites; patologias tendíneas; osteodistrofias e condrodistrofias; pós-operatório de cirurgias articulares; coadjuvante em casos de fraturas; além de atuar também na profilaxia de doenças osteoarticulares e condroproteção de animais submetidos a grandes esforços. Também indicado para fortalecimento da cartilagem auricular de cães submetidos a conchectomias.

Dosagem

Para ser usado por via oral. Comprimidos de 500 mg: Animais até 5 kg: 1 comprimido ao dia. Animais de 5 a 10 kg: 1 comprimido duas vezes ao dia./Manutenção: até 5 kg: 1 comprimido por dia, em dias alternados. Animais de 5 a 10 kg: 1 comprimido por dia, até encontrar a dosagem de manutenção que pode ser 1 comprimido por semana. Comprimidos de 1000 mg: Animais de 10 a 15 kg: 1 comprimido duas vezes ao dia./Animais de 15 a 25 kg: 1 comprimido e meio duas vezes ao dia./Animais de 25 a 50 kg: 2 comprimidos duas vezes ao dia./Animais acima de 50 kg: 3 comprimidos duas vezes ao dia./Manutenção: Animais de 10 a 15 kg: 1 comprimido por dia./Animais acima de 25 kg: 2 comprimidos por dia, até chegar a dosagem de manutenção que pode ser um comprimido por semana.

A dose de administração inicial é de 2 a 3 meses e depois deve ser feita a dose de manutenção. As dosagens poderão ser aumentadas ou diminuídas de acordo com a orientação do Médico Veterinário.

Administração

Uso oral.

Precauções

Condroton é muito seguro, não apresentando efeitos colaterais. Raramente pode haver flatulência e amolecimento das fezes. Vários experimentos demonstram a ausência de teratogênese, mutagênese e anafilaxia do sulfato de condroitina. Glicosaminoglicanos de baixa sulfatação não alteram o tempo de coagulação sanguínea por não interagir com a antitrombina III. Condroton pode ser administrado concomitantemente com qualquer droga, sem ocorrerem interações indesejáveis. Contra indicações: Devido ao fato de Condroton apresentar glucosamina e sulfato de condroitina e por estes serem bioquimicamente classificados como carboidratos (açúcares), é indicado que ao se usar o produto em animais diabéticos, estes sejam monitorados na primeira semana de uso.

Apresentação

Comprimidos de 500 ou 1000 mg, acondicionados em frascos plásticos contendo 60 comprimidos.

Classe Terapêutica

OUTROS

SAC
0800109197